Pular para o conteúdo principal

Postagens

20 de julho: Parabéns pra mim!

Então chegou o dia 20 de julho (outra vez) para mim o 47º, quase meio seculo de vida bem vivida! Poeminha de improviso
Para me homenagear
Estou a completar anos
Colecionar primaveras
Cada qual com seu encanto
Elos da engrenagem
Que fazem girar a roda da vida
Impossível não olhar para trás
Reviver os sonhos (realizados ou frustrados)
Mania de militante de esquerda
Fazer balanço a cada ciclo concluído
Auto critica e replanejar a caminhada
Entre eros e acertos, por conceito e não por soma
Fiquei acima da média
Se é verdade que o Ser Humano antes de morrer
Tem três coisas a fazer
Filhos já tive dois (os melhores que uma mãe pode ter)
Arvores plantei algumas
Quanto ao livro...
Cá pode estar o prefácio! Dou então graças a vida que tem me dado tanto
Presente sempre há algo (alguém) que desejamos ganhar
Aceito resignada se a vida não puder me atender
E peço a Deus
"Que a morte não me encontre um dia
solitária sem ter feito o que eu queia!" Me dou de presente essa canção, que sempre me esperança o c…
Postagens recentes

Madrugada fria: Apesar de Temer... Amanhã há de ser outro dia

Quando se perde o sono na madrugada fria
O melhor refugio é a poesia
Nasce do pulsar do coração
Alimenta-se de lembranças, medos, expectativas
As vezes parece até fria
Quando transpira nostalgia
Vem a lagrima sempre quente derreter o gelo
Inundando meu ser
Não sei se mergulho
Se fujo ou me deixo boiar

Mais que versos de rimas quebradas
A frieza da noite pede compaixão
(Tem gente que não esta em uma cama quente)
Empatia que faz doer em mim a dor do outro
O próximo que tenho que amar como a mim mesma
A ele minha oração, minha ação militante
A mim uma taça de chocolate quente
Aquecer o corpo
Esperançar a Alma


Apesar de Temer
Amanhã há de ser outro dia!

https://www.letras.mus.br/chico-buarque/7582/

Hoje você é quem manda
Falou, tá falado
Não tem discussão
A minha gente hoje anda
Falando de lado
E olhando pro chão, viu
Você que inventou esse estado
E inventou de inventar
Toda a escuridão
Você que inventou o pecado
Esqueceu-se de inventar
O perdão Apesar de você
Amanhã há de ser
Outro dia
Eu pergunto a v…

Sobre Ruminar e Regurgitar: Velhos Ditados!

Dizem que o tempo é bom conselheiro, por isso sempre me atentei aos conselhos do tal "Velho Ditado".
Há bem pouco tempo o eminente Advogado do Presidente Usurpador em sua defesa por ocasião da leitura do relatório na CCJ que recomendava que o dito senhor fosse investigado bradou em tom de "aconselhamento" `Pau que mata Michel , mata Lula´! E não é que seus eminentes pares matutaram e acataram o "aconselhamento".
Precisei de um tempo para ruminar o acontecido, e por fim engolir não sem o risco de regurgitar, minha consciência militante não pode digerir e cá estou a pôr para fora. Como bem disse meu amigo filosofo Aldo Santos, que não é nenhum velho para deitar ditados, apenas jovem há um pouco mais tempo que eu, somos uma "geração de poetas militantes, onde os versos vomitam verdades, a sensibilidade vomita ódio e o engajamento pavimenta estradas de um novo amanhecer."
Como "Cada coisa tem o seu tempo", tenho aprendido que é preciso pa…

Por Erick Morais: Por uma educação que nos ensine a pensar e não a obedecer

Excelente Reflexão sobre a necessária presença da Filosofia e demais matérias das Ciência Humanas para o desenvolvimento pleno da cidadania.
Por: Erick Morais Na escola, nós aprendemos que a filosofia é a mãe de todas as ciências. Aprendemos sobre a importância da filosofia na formação do pensar humano em todas as vertentes, desde das questões sobre o homem e o universo, até discussões acerca do amor e da política. Dada a sua importância, deveríamos ter uma educação com viés filosófico. Ou seja, uma educação que buscasse desenvolver em nós um olhar crítico para o mundo que nos cerca e o nosso mundo interior. Entretanto, o que recebemos de forma contrária, é uma educação acrítica e completamente tecnicista, que tem como função primordial criar soldados bem treinados para o famoso “mercado de trabalho” ou em uma tradução livre – “campo de batalha do capitalismo selvagem”.
A polêmica reforma no ensino médio promovida recentemente pelo Governo Temer, para muitos – professores, inclusive…

PORQUE É DOMINGO: ACORDEI MEIO ASSIM...

Porque é domingo... E somente por ser domingo Acordei meio Assim... Como quem ainda esta sonhado Um sorriso bobo na cara De moleca que enfiou o dedo na cobertura do bolo Roubou brigadeiro Bulio na decoração da festa Porque criancice não é questão cronológica É estado de espirito E domingo é sim um dia propicio Pra jogar bola De gude de meia... Ouvir a menina que ora Me pegar pela mão e correr pelo quintal Ouvindo Milton Nascimento Cantar coisas bonitas Que semeiam esperança nos corações!


Há um menino Há um moleque Morando sempre no meu coração Toda vez que o adulto balança Ele vem pra me dar a mão
Há um passado no meu presente Um sol bem quente lá no meu quintal Toda vez que a bruxa me assombra O menino me dá a mão E me fala de coisas bonitas Que eu acredito Que não deixarão de existir Amizade, palavra, respeito Caráter, bondade alegria e amor Pois não posso Não devo Não quero Viver como toda essa gente Insiste em viver E não posso aceitar sossegado Qualquer sacanagem ser coisa normal Bola de meia, bola de gude O solidário …

Sobre a Política Atual: Será que tem saída?

Tenho evitado nos últimos dias escrever "textão" sobre política, não por falta de assunto ou inspiração, creio que por vergonha de registrar fatos tão lamentáveis que vão alterar a história de muitas gerações. Portanto não pretendo me alongar, só responder a uma provocação, feita via rede social por um ex-aluno (um desses meninos que fazem a profissão valer a pena) Eis a provocação:
__ Oi Professora, não vou perguntar se esta tudo bem... Primeiramente Fora Temer nê? kkkkkkk ... Saudades das suas aulas... lembro no começo do ano passado, quando a senhora falou que queriam dar um golpe... a senhora estava muito irada... a gente ficou até com medo, achei meio exagerado... mas fiquei ligado... Tô muito chateado, pra não dizer Fudido! Me ferrei no Enem, tinha estudado, mas fiquei nervoso, tô desempregado, não entrei na faculdade, enfim prô, hoje vejo que a senhora não exagerava... os FdP deram mesmo um golpe... Puta Merda... kkkkk Desculpa Prô... nas reticencias fico lembrando da …

Minha Filha e Eu: Poética e Luta!

Poética e Luta, palavras sinônimas! Dizem que quando nasci foi um berreiro danado Dona Milu (Negra parteira é quem contava) Eita tiquinho de gente barulhento Dizia minha avó Lídia Mestiça pernambucana que ajudou no parto Mal aprendi as primeiras palavras Meu pai disse assustado Se fosse homem não se criava Minha mãe concluiu sarcástica Tivesse nos braços a força que tem na língua Queria ver quem matava! Assim fui aprendendo a força das palavras E quando ela de mim nasceu Natalia Sofia (Eu soube que não seria só minha) Na sala de parto não se ouviu gritaria Um resmungando infante Um soluço materno Acho até que ela sorrio Eu sorri, quando a deitaram em meus seios Me senti uma Gigante Que para ela viveria Que por ela mataria E já se vão onze anos De doce parceria Rimando palavras Levantando bandeiras Fazendo da vida uma arte Na luta por melhores dias!